E se acabar a Energia por causa de Apagões ou Guerras? Tem saída?

Ricardo Ribeiro

Tempos difíceis se avizinham. Sim, Deus cuidará dos seus. Mas, nossa parte temos que fazer. E se existe algo imprescindível ao Homem moderno, esse algo chama-se Energia. Sem ela seria insuportável a vida retroagindo às eras medievais. Ameaça de guerra com o Irã, ambição governista Americana com a Amazônia e o Pré-Sal, Apagão, etc. São alguns motivos para levar isso a sério. É uma pequena contribuição que deveríamos nos acostumar dar-nos mutuamente, visto que os tempos deste meio de comunicação chamado Internet, estão com os dias contados por incomodar aos que se acham grandes. Esta guerra motivada pelo fechamento do Megaupload, FBI X Anônimous, são só desculpa esfarrapada, pretexto. Então, faça bom proveito da pérola prática e simples e extremamente útil que te apresento e repasse para o maior número de pessoas possíveis. Procure pesquisar mais a respeito e aperfeiçoe se possível. Não esquecendo de compartilhar. Clique nas imagens para vê-las maior. Créditos ao eficiente blog Neomedes.

Bicicleta geradora de energia – Como fazer?

É comum ver pessoas pedalando pela praia, pela praça ou até pelas ruas de seu bairro, isso combate o sedentarismo e traz uma melhor qualidade de vida. Mas, que tal pedalar, no conforto de sua casa, cuidar de sua saúde além de cuidar do planeta e economizar energia elétrica?
Não só é legal, como é possível e você ainda pode gerar energia suficiente para, por exemplo, acender as luzes da sua casa. E agora, eu vou te ensinar como fazer uma bicicleta capaz de gerar energia elétrica.
Do que vamos precisar?
– 1 bateria comum 12V/45A;
– 1 bicicleta comum;
– 1 correia;
– 2 pedaços de madeira: um de 40cm x 25cm e outro de 50cm x 10cm;
– 1 alternador;
– Condutores: Para ligar o alternador a bateria e para ligar a bateria a carga (lâmpadas, cerca elétrica, caixa de força e etc.);
– Porcas e parafusos;
Como fazer?
a) Retire a roda dianteira da bicicleta e o pneu da roda traseira;
b) Faça um furo em uma das extremidades do pedaço de madeira de 40cm e prenda longitudinalmente o garfo da bicicleta com as porcas e os parafusos. Para maior estabilidade, apoie o eixo dos pedais na madeira;
c) Calce o suporte com o outro pedaço de madeira, o de 50cm, deixando-o logo abaixo do garfo traseiro e a uma distância suficiente para que a roda possa girar;
d) Coloque a correia na roda traseira e na polia do alternador, permitindo que a velocidade do pneu seja igual a velocidade da polia;
e) Com os condutores, ligue o alternador à bateria, e a bateria à carga;
f) Ao girar a roda traseira, a correia aciona o alternador que carrega a bateria. Desconecte os condutores que ligam o alternador a bateria, para poder colocá-la em uso;
Veja o esquema abaixo:
Dica: Como seria impossível saber a variação da amplitude da tensão, pode-se ainda usar reguladores de tensão simples como Diodos Zener, ou reguladores de três terminais, que tem por finalidade manter a tensão produzida pelo alternador dentro dos limites exigidos pela bateria e/ou pela carga que será alimentada.
Obs.: Quanto maior a capacidade de corrente da bateria, a “amperagem”, maior vai ser o armazenamento de energia, e para armazenar mais energia, obviamente, é necessário pedalar por mais tempo.
Fonte: Neomedes

Sobre ricardoribeiro4791

CONFERENCISTA RICARDO RIBEIRO Brazil Bacharel em Teologia, Mestrado em Missiologia (Incp.) Professor, Capelão Prisional e Militar em Alhandra-Paraíba. Conferencista Evangélico e Membro Procurador Seção Assembléia de Deus, da UNIPAS - UNIÃO INTERNACIONAL DE PASTORES E CAPELÃES VOLUNTÁRIOS, Sede New Jersey, USA. Prega desde os quatro anos de Idade, nascido e criado no Evangelho na Cidade de Recife-PE. Casado. CONTATOS PARA PREGAR EM EVENTOS: Orkut: ricardoribfra@gmail.com Email:ricardoribeiroconfcap_@hotmail.com, Fone:083-88752602, 99242891.
Esse post foi publicado em CIÊNCIA. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s